Resolvi escrever esse post devido ao grande número de vezes que a questão me é feita semanalmente. A resposta não é simples, mas creio que haja algumas alternativas.

Programa de trainees

Válido para aqueles já graduados com até 2 anos de formados. A concorrência é grande, mas há dezenas de empresas que adotam o programa de trainees para formação de seus executivos juniores. É uma maneira excelente de iniciar a carreira queimando várias etapas que outros funcionários podem levar décadas para alcançar.

Mestrado

Emendar o mestrado à graduação não é má ideia, afinal, quem acabou de se formar tem mais pique para estudar e realizar provas do que aqueles que estão longe dos bancos escolares há muito tempo.

Dar aulas

Mestrado e doutorado abrem portas para dar aulas em faculdades. Ok, você não tem nenhum dos dois? Sem problemas. Há ótimos colégios e cursinhos que podem ser ótimas opções de emprego.

Trabalhar no exterior

Dependendo do país, não será fácil trabalhar na função desejada, sendo absolutamente natural dar 5 ou 6 passos para trás na carreira. Em outras palavras, acostume-se com a ideia de aceitar trabalhos menos nobres, ao menos pelo ponto de vista salarial. Essa experiência internacional certamente renderá ótimos frutos no futuro. Por favor, não me vá para Birmânia, nem república Tcheca. Prefira um país de língua inglesa, para já aproveitar e se tornar fluente nesse idioma!

Vaga administrativa

Pode ser que alguma empresa aceite te contratar como assistente, mesmo que não seja a tão sonhada vaga dentro da função para a qual você tanto estudou (ou não, né…). É um passo em marcha ré, que dependendo da empresa pode abrir ótimas futuras oportunidades.

Vagas em locais remotos

Sabe aquela vaga para uma unidade no meio da Amazônia, a 500 km do Nada, e a 750 km de Coisa Alguma? Pois é, alguém tem que ir, e a maioria não quer, mas você ávido por trabalhar pode abocanhar uma dessas oportunidades, quem sabe até numa grande multinacional, com pacotes de remuneração bem atrativos. Certamente vale o sacrifício.

Bem, essas foram minhas dicas para recém-formados sem experiência, nem emprego. Se me esqueci de alguma, favor mencionar nos comentários abaixo. Boa sorte!

Eng. William Mazza

*também realizo análises minuciosas de CV perfil de Linkedin, além de ter bolado a “Estratégia de Recolocação Profissional do WMazza em 10 passos” – Conheça!!

Anúncios